Filmes Gays e Séries Gays

Mixed Kebab

Mixed Kebab    

Legendado 98 Minutos DramaRomance

6.2
IMDB: 6.2/10 824 Votos

, , ,

N/A

Bélgica

23147

Reportar erro

Ibrahim, turco muçulmano vivendo na Bélgica se apaixona por Kevin, um belga legítimo, que é filho do dono do café onde ele trabalha como garçom. Para ficarem juntos, irão enfrentar discriminação com imigrantes, uma noiva prometida na Turquia e Furkan, irmão mais novo de Ibrahim, um fundamentalista religioso.

16 – Não recomendado para menores de 16 anos.

  • Links de Download Servidor Áudio / Idioma Qualidade
No downloads available

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.

10 Comentários

  1. sara disse:

    Eu gosto muito do site, bons filmes, você faz um bom trabalho, vejo um filme por dia estou ficando viciada..rsrsr. Parabéns!!!

  2. erick disse:

    Filme bem interessante, alem da temática gay, trata tambem,do preconceito das minorias étnicas, mostrando que nao somente o preconceito homosexual, mas o preconceito étnico em outros países de forma aberta e clara. Infelizmente a forma como as pessoas interpretam a fé em sua religião esta muito embasado no grupo social ao qual se vive, o filme trata sobre o religião muçulmana, mas poderia muito bem ser outra religião, o preconceito seria o mesmo.

  3. Hans Muller disse:

    NÃO LEIA SE NÃO ASSISTIU O FILME ( SPOILER! ):
    O filme é bom, gostei dele e de como a história foi contada. Também gostei dos atores. É um filme que fala, acima de tudo, sobre preconceitos, discriminação. Discriminação de turcos contra árabes ( mais especificamente marroquinos), de belgas contra turcos e árabes, de turcos contra belgas, de fundamentalistas muçulmanos contra os demais, da polícia belga contra os estrangeiros, da dona do café em relação a “policial lésbica”, e de quase todos contra os homossexuais. É muito triste ver como o ser humano tem a mente rasa, superficial ( e o filme retrata muito bem isso). O pior é a violência que a discriminação causa, violência física e a psicológica também (ambas terríveis!). Além da Bélgica, o filme retratou muito bem a intolerância sexual na Turquia, é a pura realidade. Como viver como gay nesses locais? Deve ser sufocante, massacrante. O amor vencerá no final? É possível viver como gay na Turquia? Por toda essa crueza, gostei muito do filme!

    • Anónimo disse:

      Concordo em td falado por voce, o pior é que dá( pelo menos em mim) uma sensação de tristeza e raiva ao mesmo tempo quanto ao que acontece de fato nesse paises, serio, quando dizem que voce só conhece a sensação de uma coisa ruim só quando passa deve ser mt bem aplicada no oriente medio, tenho dó de quem nasceu gay num lugar como aquele, já que é unanime os paises mulçumanos que condenam os homossexuais.

  4. vamprirozarac21 disse:

    filme muito bom….coom alguns toque de racismo religioso.,descriminação e geoplitica.mas em si o filme e bom vale apea assistir

  5. teito klen disse:

    bom, recomendo!!!!

  6. Luís disse:

    Que história interessante e bem contada! Quanto preconceito!

  7. Luhan disse:

    Para uma história muçulmana, surpreendente.
    Muito bom, recomendo.

  8. Anónimo disse:

    Assim, todos os filmes que envolvem mulçumanos e homossexuais já me deixam tenso e este não fugiu a regra, pelo contrario e cumpriu e mt bem, é mt drama, é mt tensidão chega a ser palpavel, uma coisa que eu me pergunto é se a porra desses mulçumanos tem esta liberdade toda na europa.

  9. Henrique disse:

    O filme é bom, porém triste. Mostra a realidade de culturas e religiões diferentes, que quando em mesmo local se chocam com a realidade que cada um acha certo. Os turcos na maioria das vezes fogem para a Europa Ocidental para procurar uma vida melhor, mas alguns acabam chocando-se com a cultura ocidental e não aceitando-a, isto é a causa da maioria dos conflitos entre o ocidente e o oriente.

Você poderá gostar